Porquê?

Muita gente com quem tenho conversado me tem feito esta pergunta: porque é que estás a fazer um site?

A ideia de fazer um blog partilhado, com vários autores e opiniões, que se querem construtivas, poderá alimentar a construção de uma energia nova, que abranja as duas freguesias. Ao contrário das publicações nas redes sociais que duram no máximo uma semana e que depois mais ninguém encontra. Este site tem a ambição de sedimentar ideias para que possam ser desenvolvidas por todos.

Site ou Blog?

A segunda pergunta costuma ser: Mas afinal é um site ou um blog?

Na verdade é um site, do qual uma das partes mais importante é o blog partilhado. A ideia não se esgota no Blog, mas este será muito importante na construção de um meio de comunicação que facilite a coesão que se pretende construir. Pretende-se que o site sirva como facilitador de informação de qualidade, para os habitantes das nossas freguesias.

Mas afinal para que é o blog vai servir?

A ideia é ter um sitio onde possamos partilhar os acontecimentos culturais e sociais (e são muitos) que acontecem aqui neste belo monumento natural que é o nosso polje.

Com o objectivo de criar mais interações e mais convívio entre as populações e contribuir para a construção de um futuro mais partilhado. Para que nos habituemos a fazer mais coisas juntos, já que estamos divididos administrativamente teremos necessariamente de continuar cada uma a puxar para seu lado?
E que tal empurrarmos juntos na mesma direção…

Mas eu pensava que era sobre a mata…

E é.

Mas não só, a nossa mata comum tem o condão de nos unir, e especialmente numa época em que quase todos já percebemos que a nossa maneira de viver, a continuar assim irá secar o planeta de condições de vida saudáveis para que as próximas gerações possam ter uma vida plena. Sim os nossos filhos.

No entanto (falo também por mim) quase todos continuamos a ter os mesmos comportamentos e hábitos que estão a esgotar o planeta. É urgente agir.

Afinal é sobre escolhas…

A escolha é de cada um.

Vamos continuar no bota abaixo ou vamos arregaçar as mangas e fazer? A esperança é que se conseguirmos falar mais construtivamente sobre as coisas que queremos que aconteçam, possam surgir ideias suficientemente fortes, que muitos acreditem e desse imaginário mobilizador possa nascer um futuro mais equilibrado, inclusivo, partilhado e participado.

Utopia?

Sim, deixem-nos sonhar.

Sem sonho não há criação, sem criação a vida é uma seca, como dizia o poeta “o sonho comanda a vida”.

Partilha este artigo...

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest