Livro de AL GORE sobre a Crise Climática

A nossa escolha

No outro dia visitei o polo da Biblioteca Municipal de Porto de Mós que se encontra no edifício da Casa da Cultura de Mira de Aire. É desde logo um espaço espetacular para se estar, pois para além de uma bela vista para o jardim, é bastante luminoso, arejado e com um daqueles pé direitos (altura dos tetos) que só se vem nos filmes.

Ao passear por um dos corredores “piscou-me o olho” uma lombada que dizia AL GORE, lembrei-me de imediato do documentário de 2006 “Uma Verdade Inconveniente” que até ganhou uns Óscares na categoria de documentário e que de certa forma ajudou a tornar mais visível o problema do aquecimento global e da sustentabilidade do planeta.

Neste livro de 2009, que até está em português, Al Gore apresenta-nos a sua visão para resolver a crise climática. O livro divide-se em vários capítulos e não sendo minha intenção fazer um levantamento exaustivo do conteúdo aqui deixo uma foto do índice.

Índice do livro A NOSSA ESCOLHA, de AL GORE
Índice do livro A NOSSA ESCOLHA, de AL GORE

O livro ajudou-me a perceber da complexidade do nosso paradigma energético e dos comportamentos que temos enquanto “supostamente” a espécie mais inteligente deste planeta, e como continuamos a a alimentar o aquecimento global em grande parte para garantir os interesses económicos instalados nas cúpulas governativas das sociedades ocidentais.

Não sou dado a alimentar teorias da conspiração e francamente acho que está na hora de meter a carapuça e fazer o possível para dentro da minha esfera de influencia, mudar os meus comportamentos que ajudam a alimentar o sistema. Como?

  • Reciclar, Reutilizar e Reduzir mais
  • Gastar menos energia e dar preferencia a fontes mais limpas, de preferencia em regime de auto-produção
  • Ajudar a criar um grupo de transição local para um modelo mais sustentável e menos dependente dos grandes grupos económicos.

Todos contamos

Só através da mudança em cada um de nós poderemos ter a esperança de criar um mundo melhor.

Enquanto usarmos a desculpa que são os outros e gastarmos o nosso tempo como se costuma dizer “a sacudir a agua do capote” culpando os politicos e os outros paises não vamos conseguir mudar de direção e vamos continuar o nosso caminho para o abismo.

Mudemos já, sejamos activistas construtores de um mundo melhor em oposição aos activistas da destruição e do protesto, mudemos a partir de hoje os nossos comportamentos, mudemos a maneira como consumimos energia e os recursos. Vamos reaprender a cultivar os nossos próprios alimentos e viver em comunidades mais sustentáveis, mais resilientes, mais saudáveis.

Nota: O livro foi oferecido ao polo da Biblioteca pela família do Dr. Joaquim de Moura Ramos que foi médico em Mira de Aire durante a segunda metade do século XX (entre 1946 e 2005) como parte do espólio da sua biblioteca, ora ai está uma bela ideia para quem tem livros interessantes em casa, já os leu, e acha que o seu conteúdo pode ser valioso para outros. Da minha parte acho a ideia brilhante e só tenho a agradecer à família este bonito gesto, até porque pelo que percebi o espólio foi oferecido na condição de ficar em permanência no polo da biblioteca aqui da terra.

Partilha este artigo...

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest